Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2010

Quanto custa olhar pro lado?

Como sempre, no final do ano a gente tenta ser bondosa para pagar todos os pecados cometidos nos outros 11 meses, e assim terminar o ano, com menos peso na consciência. Já digo de antemão, NÃO ADIANTA. Se você não é bom nos outros 11 meses, foda-se as suas boas ações no mês de dezembro.
Outra coisa que me deixa de cabelo em pé, as pessoas vão a igreja, casas de Deus, locais destinados a orar, acreditar, ter fé, e chegam em casa e brigam com os filhos, com o marido, com o cachorro e até com o papagaio. Pergunto agora, de que adianta ir tanto a missa então? De duas uma, ou vai a missa e presta atenção naquilo que diz acreditar, e põe em prática aquilo que acredita, ou MINHA FILHA, DEIXA DE IR A IGREJA, que se tu não pratica o bem que aprende, é porque não aprendeu.
Mas o top top do meu desprezo, e hoje em especial, vai para aqueles que não sabem olhar/perceber o próximo. Principalmente os próximos bem próximos mesmo. E aí eu pergunto, QUANTO CUSTA OLHAR PARA O LADO?
Olhe para o seu irmão, …

Pensamentos perdidos de final de ano.

Não tenho tempo para mais nada, ser feliz me consome muito. (C.Lispector)

Com a idade chegando, começamos a rever algumas de nossas maiores companheiras, as manias. Eu, como estou nos quase 30, começo a rever todas as minhas atitudes juntas. Por que continuar brigando se o que eu busco é paz? Por que continuar discutindo, se a maioria daquilo que as pessoas falam eu simplesmente ignoro? Por que continuar se importanto com aqueles que não se importam comigo? Por que continuar sentindo falta de gente que nem ao menos lembra da minha existência?  Essas foram as inúmeras perguntas que me fiz ao longo do ano.  E com as respostas, decidi inventar uma nova Lili, versão 2011, totalmente renovada, totalmente diferente. Não, não pensem que as qualidades irei perder, jamais. Só irei melhorar aquilo que não me agrada mais, e quem quiser, ou conseguir, que me acompanhe, porque meu ritmo será frenético. 2011 vai ser o ano que eu vou mudar tudo aquilo que me incomoda hoje. E acreditem, todas essas m…

E você, o quê? Tati Bernardi

Me dei, me dei..mudei. E você, o quê? Fiz tudo, te dei o meu mundo. E você o quê? Joguei, lutei, arrisquei, amei! Gostei, um amor maior: impossível. E você o quê? Ultrapassei meu íntimo. Fechei meus olhos, os olhos da alma. Decidi ignorar meus padrões. Ocultei minhas raivas, algumas vezes não deu, disfarcei meus ciúmes, amaciei minhas mágoas. Sua voz me tranqüilizara, teu sexo me domava. Fiz como pude e como não pude. Do seu jeito fui levando, algumas vezes amor próprio me faltou, mas eu só queria seu amor. Por inúmeras vezes te amava mais do que o tudo. E pergunto: E você? O quê? Armei sua lona, fiz seu circo, pintei seu mundo. Fiz de você meu primeiro. Usei suas cores, anulei as minhas. Aceitei suas verdades intactas, anulei as minhas. E você amor? O quê? O quê você fez? Despedacei meu ego, levantei nossa bandeira. Me julguei egoísta, fui contra a seu favor. Chorei, chorei, chorei até faltar vazio em mim. Fui no fundo, no profundo do meu âmago. Pra merecer teus carinhos, teus gemido…